Translate       Traducir    
Boletim de Notícias
Boletim Eletrônico - N° 733
  
RECEBA AS NOTÍCIAS POR E-MAIL Cadastre seu E-mail
linhagrossa
Faça uma homenagem ao seu Pet, acenda a Chama da Recordação, clique aqui.
 
Medidas simples protegem crianças de mordidas de cachorro

Ensine a criança a não incomodar o cão enquanto ele estiver comendo e evite brincadeiras agressivas com o animal.

Mais da metade dos 4,7 milhões de pessoas mordidas por cães nos Estados Unidos anualmente tem menos de 14 anos. Entre as crianças, a taxa de ferimentos relacionados a mordidas de cachorro é maior dos cinco aos nove anos de idade, de acordo com os centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos.

Para ajudar a proteger as crianças, a Academia Americana de Pediatria oferece dicas de segurança para os proprietários de cães e para os pais:

- Socialize seu cão continuamente expondo o animal a diferentes pessoas e a outros bichos de estimação. Dessa forma ele vai se sentir mais confortável em situações fora de sua rotina.

- Vacine seu cão contra a raiva e outras doenças e castre-o. A castração pode diminuir a agressividade do animal.

- Ensine as crianças a terem cautela quando estiverem perto de um cachorro. Explique que elas devem evitar passar correndo pelo animal e importuná-los enquanto estão dormindo, comendo ou cuidando de seus filhotes.Escolha uma raça com reputação de ser amigável com crianças. Você nunca pode ter 100% de certeza como um cão vai se comportar, mas especialistas recomendam raças como border collie ou labrador que convivem melhor com crianças. Pergunte a um veterinário sobre o comportamento típico de certas raças antes de levar o cão para casa. 

- Treine seu cão para obedecer comandos. Evite brincadeiras agressivas com o cachorro, como lutas e cabo de guerra, o que poderia reforçar comportamentos violentos. 

- Nunca deixe um bebê ou uma criança pequena sozinha com um cachorro.

- Não deixe seus filhos se aproximarem de cachorros sem pedir a permissão do proprietário antes.

- As crianças devem permitir que o cão as cheire

- Evite tocar rosto, cabeça e rabo do animal.

- Se ameaçada por um cão, a criança deve ser orientada a manter a calma, evitar contato visual e ficar parada até que o cão vá embora ou se afastar lentamente. Se isso não funcionar e ela for derrubada, deve ficar em posição fetal e proteger o rosto com as mãos.

Se uma criança for mordida por um cachorro, o recomendado é limpar o ferimento com água e sabão. Feridas maiores precisam de atenção médica imediata. Se possível, entre em contato com o veterinário do cão para verificar seus registros de vacinação.


Fonte: Midia News - Publicado neste site em 22/07/2012