Translate       Traducir    
Boletim de Notícias
Boletim Eletrônico - N° 183
  
RECEBA AS NOTÍCIAS POR E-MAIL Cadastre seu E-mail
linhagrossa
Faça uma homenagem ao seu Pet, acenda a Chama da Recordação, clique aqui.
 
CRUELDADE: mais um pitbull é encontrado espancado em Rio Claro / SP

CASO REACENDE DISCUSSÃO SOBRE A FALTA DE PUNIÇÃO CONTRA ATITUDES COVARDES COMO ESSA

CASO REACENDE DISCUSSÃO SOBRE A FALTA DE PUNIÇÃO CONTRA ATITUDES COVARDES COMO ESSA

JORNAL CIDADE
Covardia sem limites. Essa cadela de aproximadamente 4 anos foi cruelmente espancada em RC
Sidney Navas

Aconteceu de novo. Mais um cão da raça pitbull foi covardemente espancado e abandonado na área central do município. Extremamente ferido e debilitado, o animal corre o sério risco de perder a visão do lado direito. Populares levaram o cachorro sangrando até uma clínica veterinária. O fato ocorreu na noite de quarta-feira.

O veterinário André Caperucci explica que, apesar da gravidade dos ferimentos, o animal provavelmente sobreviverá. A suspeita é que ele foi golpeado na cabeça com uma barra de ferro ou de madeira, mas, apesar de tamanha violência, o pitbull não sofreu traumatismo craniano. O caso reacende mais uma vez a discussão sobre a falta de punição para quem maltrata os animais.

“É inadmissível. Enquanto a lei não for cumprida, continuaremos presenciando atitudes lamentáveis como essa”, observa o veterinário. Ele também defende a microchipagem como forma de conseguir identificar os proprietários dos cachorros, gatos e até mesmo cavalos maltratados ou abandonados.

Quem presenciar maus-tratos contra qualquer animal dever acionar a Polícia Militar ou até a Guarda Civil Municipal. A lei é clara. O artigo 32 da Lei Federal 9.605/98 diz que é considerado crime praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos.

A pena varia de 3 (três) meses a 1 (um) ano de detenção, além de multa. Mas, na prática, dificilmente a lei é aplicada, fato esse que contribui para atos covardes como esse.

ENVENENAMENTO

Na manhã de sexta-feira, o técnico Agnaldo dos Santos procurou a polícia para registrar a ocorrência de crueldade contra animais. Segundo ele, durante a madrugada de sexta-feira, pessoas até o momento não identificadas jogaram um pedaço de coxa de frango envenenada. Um de seus passarinhos, ao ter contato com a carne, morreu. Seu gato de estimação ingeriu parte da carne e precisou de cuidados especiais. O fato ocorreu na Vila Martins, e ele contou que a vizinhança disse que esse não é o primeiro caso de envenenamento naquele bairro, e isso o deixa preocupado. A polícia vai investigar o caso.




Fonte: JC Rio Claro - Publicado neste site em 07/06/2011