Translate       Traducir    
Boletim de Notícias
Boletim Eletrônico - N° 1242
  
RECEBA AS NOTÍCIAS POR E-MAIL Cadastre seu E-mail
linhagrossa
Faça uma homenagem ao seu Pet, acenda a Chama da Recordação, clique aqui.
 
Governo do Irã proíbe passeio com cães e os ameaça de morte

irã reprodução dailymail Governo do Irã proíbe passeio com cães e os ameaça de morte

Somos considerados “imundos e impuros” no Irã. Nascemos para o trabalho e apenas somos 'tolerados' em sociedade. Melhor amigo? Biscoitinho? Nem pensar.

Agora, o governo resolveu pegar pesado. Nem mais passear, a gente pode por lá. Quem for pego levando seu cãozinho dar uma volta toma multa e perde o cachorro, que vai preso e some! Matam né, gente.

Em 2011, autoridades ameaçaram criminalizar a posse de cachorro e ainda afirmaram, do alto da sua ignorância, que a crescente popularidade de animais de estimação 'virou um problema cultural de imitação cega da cultura ocidental vulgar'.

Em 2010, o aiatolá Naser Makarem Shirzi avisou que a posse do cão levaria a “corrupção valores familiares e sociais danos”.

— Muitas pessoas no Ocidente amam seus cães mais do que suas esposas e filhos.

Por que será, né? Deve ser porque somos imundos!

O cerco está terrível. O vice-chefe da polícia iraniana, Ahmad Reza Radan, disse à agência de notícias Fars que 'carros com cães também serão apreendidos”.

De acordo com a sociedade para a Prevenção da Crueldade contra os Animais, cães apreendidos foram levados para 'locais secretos'.

Payam Mohebi, chefe do hospital animal de estimação de Teerã, ainda completou que os proprietários são informados de que seus cães serão mortos.

O Ministério da CULTURA (repito, cultura!)  e Orientação Islâmica proibiu os meios de comunicação de publicar anúncios sobre qualquer assunto que diga respeito aos animais de estimação.


Fontes: R7 Notícias - Daily Mail e AFP - Publicado neste site em 01/07/2013