Translate       Traducir    
Boletim de Notícias
Boletim Eletrônico - N° 1107
  
RECEBA AS NOTÍCIAS POR E-MAIL Cadastre seu E-mail
linhagrossa
Faça uma homenagem ao seu Pet, acenda a Chama da Recordação, clique aqui.
 
Identificamos o que os cães sentem através de suas expressões faciais

Pesquisa revela que somos capazes de ler as emoções de cachorros tão bem quanto as de outros humanos

Editora Globo
As fotos de Mal usadas no estudo - você consegue identificar o sentimento por trás de cada expressão? // Crédito: Divulgação

Se seu cachorro aprontou alguma coisa, você consegue perceber logo de cara? 'De cara' pode ser uma definição literal, já que um novo estudo aponta que conseguimos ler as expressões faciais de cachorros tão bem quanto as de humanos.

Para chegar a essas conclusões, pesquisadores da Universidade da Flórida estimularam várias reações em Mal, um pastor belga de 5 anos treinado pela polícia. Enquanto isso, o cachorro era filmado. Depois, cientistas separaram diferentes expressões feitas pelo animal, anotando qual era o estímulo recebido (se ele estava assustado, brincando, levando bronca ou enojado ao tomar um remédio de gosto ruim).

Depois dessa etapa, 50 voluntários analisaram as imagens de Mal e, sem saber qual era o estímulo, deveriam identificar o sentimento do cão por trás de cada foto. Os resultados mostraram que 88% dos voluntários souberam identificar quando Mal estava feliz. Quando ele estava triste ou assustado o número caiu - com 45% e 37% de acertos, respectivamente.

Um dado interessante levantado pela pesquisa é que, muitas vezes, as pessoas que não são donas dos cães identificam melhor as emoções do animal. Isso sugere que essa capacidade pode ser natural de cada um e não treinada.

O próximo passo dos pesquisadores é descobrir se temos essa empatia apenas pelos cães ou se ela se estende para outros mamíferos. 


Fonte: Revista Galileu - Publicado neste site em 02/04/2013