Translate       Traducir    
Boletim de Notícias
Boletim Eletrônico - N° 1068
  
RECEBA AS NOTÍCIAS POR E-MAIL Cadastre seu E-mail
linhagrossa
Faça uma homenagem ao seu Pet, acenda a Chama da Recordação, clique aqui.
 
Protetor solar para cães e gatos? Saiba quando e como usar!

Nos dias de calor intenso, algumas dicas podem ajudar a refrescar os bichinhos

cão protetor solar
Deixar os pets tomando muito sol é errado, segundo especialistas em saúde dos animais

Assim como os seres humanos, bichos de estimação precisam de cuidados especiais no verão.
 
Já existem marcas de protetor solar só para cães e gatos.
 
No entanto, especialistas afirmam que só esses produtos não garantem proteção aos animais.
 
O veterinário e membro da Sociedade Latino-americana de Dermatologia Veterinária, Ronaldo Lucas, diz que os protetores para bichos podem enganar um pouco.
 
— O protetor para cães pode gerar uma falsa sensação de segurança, pois como em seres humanos, teríamos que repetir a aplicação várias vezes ao dia.

Ele ainda diz que a aplicação é complicada em cães com muitos pelos e que alguns animais podem lamber o produto.
 
— O melhor é evitar o sol, ou aplicar [o protetor solar] antes de passeios em períodos de sol, nas regiões com menor densidade de pelos.

Ronaldo, que também é Conselheiro da Sociedade Brasileira de Dermatologia Veterinária, revela que os horários de exposição ao sol para os bichos são iguais aos dos seres humanos. É preferível evitar passeios entre 10h da manhã e 16h da tarde.
 
Raças como buldogue, pit bull e sheep dog não devem passear no horário de maior sol, pois são mais sensíveis e podem passar mal por não conseguirem diminuir a temperatura corpórea.
 
Animais obesos e com muitos pelos também têm tendência a sofrer mais com o calor. As consequências podem ser graves.
 
— Hipertermia [elevamento brusco da temperatura], queimaduras nas patas e até a morte.
 
Entre as dicas para refrescar os bichos, o veterinário destaca que água deve ser dada à vontade. Além disso, é possível dar frutas geladas para os animais. Ventiladores e aparelhos de ar-condicionado também estão liberados, desde que o cachorro não fique muito perto do vento.
 
Veja como os bichos curtem a estação mais quente do ano




Fonte: R7 Notícias - Publicado neste site em 23/02/2013