Translate       Traducir    
RECEBA AS NOTÍCIAS POR
E-MAIL
Cadastre seu Endereço aqui
News Criador On-line
Boletim Eletrônico - N° 1090 - #3
  
-
Software Animal Manager, essencial para seu negócio prosperar, acesse aqui.
 
• Caso não esteja visualizando o texto deste boletim, acesse: www.criadoronline.com.br/boletim
• Para remover seu endereço de nossa lista acesse aqui
Criada a Frente dos Direitos dos Animais

O deputado estadual Capitão Samuel Barreto (PSL) formalizou, no final da manhã dessa quinta-feira (7), na Sala das Comissões da AL, a criação da Frente Parlamentar em Defesa dos Direitos dos Animais na Assembleia Legislativa de Sergipe. Além do presidente, também compõem a Frente os deputados estaduais Raimundo Vieira (PSL), Gilson Andrade(PTC), Zé Franco (PDT) e Antônio dos Santos (PSC).

O ato que formalizou a criação contou com as presenças de representantes de entidades protetoras dos animais, além do promotor de Meio Ambiente, do município de Nossa Senhora do Socorro, Sandro Costa; e do secretário de Meio Ambiente de Aracaju, o também promotor Eduardo Matos.

A proposta de criação da Frente Parlamentar pelo deputado Capitão Samuel “germinou” da proposta feita pela também deputada Maria Mendonça (PSB), que em 2012 estabeleceu normas para a proteção dos animais no Estado de Sergipe, visando defendê-los de abusos, maus tratos e outras condutas cruéis.

Ao justificar sua proposta Samuel disse que “para mim, logo que iniciei essa campanha, depois daquele incidente envolvendo o jegue no interior, não esperava tanta repercussão. Fiquei surpreso com tantas pessoas envolvidas na causa. Essa motivação das pessoas me motivam cada vez mais. Esta não é uma causa política ou financeira, mas uma iniciativa nobre de pessoas comprometidas com aquilo que elas entendem que deve ser o correto”.

Em seguida, Samuel disse que “vamos presidir a Frente e vamos fazer o possível para agregar mais pessoas e partidos políticos. Que estas ações voltadas para o Meio Ambiente não fiquem apenas nos discursos. Vou procurar os secretários municipais desta Frente em Sergipe e vamos levar nosso trabalho até a Frente Nacional. É uma causa apaixonante e,quando as pessoas enxergam essas coisas horríveis, ela começam a refletir sobre  proteção aos animais

Por sua vez, o também deputado Zé Franco avaliou como positiva a criação da Frente. “Foi necessária e tem que ser rápido! O mundo todo, através da imprensa e das redes sociais, acompanhou aquilo ato desagradável contra o animal que mais trabalha: o jumento. Temos que iniciar pela educação das pessoas, pela conscientização. Mas com a somação de esforços de todas as entidades envolvidas eu não tenho dúvidas que vamos prosperar. O parlamento sergipano se destaca pela unidade e venceu a sociedade”.

O deputado Gilson Andrade disse que a Assembleia Legislativa deu um grande passo com a criação da Frente. “Fiquei estarrecido com dados e colocações feitas por presidentes de entidades. Nós enquanto representantes do povo precisamos tomar algumas medidas. Esta Frente foi um grande passo para que possamos discutir e procurar encontrar alternativas”.

O deputado Antônio dos Santos entende que a convivência com os animais tem sido alvo de muitos ataques. “Muitas outras coisa vêm acontecendo, mas o incidente envolvendo o jumento chamou a atenção da sociedade para se criar um movimento de proteção a todos os animais e ao meio ambiente. Nós estamos defendendo que haja uma publicidade e uma conscientização do ser humano e, depois uma punição, porque nós podemos conviver sem destruir”.

O também deputado Raimundo Vieira enfatizou que “esta Assembleia Legislativa tem dado demonstrações de que tem compromisso com as causas sociais. É um parlamento antenado com o que acontece. Viajo pelo interior e vejo muitos animais abandonados, colocando em risco muitas vidas, inclusive as deles. Esta Frente terá um papel importante e nós vamos buscar conscientizar a sociedade”.

Sandro Costa – O promotor Sandro Costa enfatizou que “a coisa está tão grave que basta dizer que o Centro de Zoonoses de Aracaju foi fechado por atuação da competente promotora do Meio Ambiente de Aracaju. Em Socorro, houve um caso de raiva em 2005 e sequer Centro de Zoonoses lá existia. Graças a uma ação nossa o município se viu obrigado a construir este Centro”.

“Esse movimento tomou uma dimensão maior agora depois do absurdo que vivenciamos em Sergipe com um jumento e teve repercussão nacional. Isso mostra a necessidade desse tipo de atividades para se conscientizar as pessoas a terem cuidado com o próximo, seja qualquer tipo de ser vivo”, completou o promotor de Socorro.

Entidades – A vice-presidente da AMA (Amigos dos Animais), Miriam Guedes, destacou a iniciativa do Capitão Samuel. “Representa um marco e uma sensibilização que tanto esperamos de um espaço político. Agora é juntar essa energia e fazer detudo isso uma prática. Como disse o Capitão Samuel nós avançamos o primeirodegrau. Vamos publicizar para que toda a sociedade entenda e junte-se a nós”.

Por sua vez, a presidente da Elan(Educação e Legislação Animal), Nazaré Moraes, registrou que “esta Frente éextremamente importante. Não há nada de políticas públicas no Estado deSergipe. Até agora a gente só via a degradação das vidas desses animais, quetrucidados e mortos são jogados em qualquer local, podendo contaminar a própriasociedade. A partir de agora a gente espera que se enxergue mais a temática. Senão soubermos respeitar as vidas dos animais, como vamos respeitar as vidas dosnossos semelhantes? Há um conhecimento científico que quem comete crimes contraanimais também comete contra grupos vulneráveis”.

A Frente – A FrenteParlamentar Mista em Defesa dos Direitos dos Animais do Estado de Sergipe é umaentidade civil de natureza política e suprapartidária, constituída no âmbito daAssembleia Legislativa de Sergipe e tem como principais finalidades, dentreoutras, acompanhar a política governamental, os projetos  e programasdirecionados à preservação e proteção dos animais, manifestando-se quanto aos aspectosmais importantes de sua aplicabilidade e execução.

Outra função está em incentivar,promover e fomentar mecanismos de preservação da fauna brasileira e exótica;promover encontros, debates, simpósios, seminários e outros eventos referentesao exame, discussão e destaque de sua temática, divulgando amplamente seusresultados; aprimorar e propor inovações na legislação voltada a criação,implementação, promoção e divulgação de políticas e ações relacionadas à defesados animais. 

Assessoria Parlamentar

Fonte: Plenário - Publicado neste site em 23/03/2013

 

Veja mais notícias em nosso site, acesse: www.criadoronline.com.br/news
 

-
O "News Criador On-line" é enviado a pessoas cadastradas ou indicadas. Se não deseja recebe-lo, ou considera que foi cadastrado indevidamente, por favor, clique aqui para remover